imagem

Custo de vida em São Paulo sobe 0,95% em janeiro, revela Dieese

Medido pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o Índice do Custo de Vida no município de São Paulo subiu 0,95% na passagem de dezembro para janeiro. O resultado levou para 2,35% o aumento do custo de vida na capital paulista nos últimos 12 meses.

O resultado do mês passado foi puxado por aumento nos preços de educação e leitura, onde a alta foi de 3,56% – principalmente em razão dos reajustes nas mensalidades -, bem como em transporte (3,19%), saúde (0,51%) e alimentação (0,45%). Juntos, esses grupos contribuíram com 0,98 ponto porcentual para o índice geral de janeiro.

Nas famílias paulistanas de baixa renda – renda média de R$ 377,49 -, o aumento no custo de vida foi de 0,59% em janeiro. Já nas de maior poder aquisitivo – renda média de R$ 2.792,90 -, a alta foi de 1,1%.

Dentro do grupo Alimentação, o custo da alimentação fora do domicílio aumentou 0,44%. Entre os alimentos, foram registradas altas nos preços do frango assado (2,31%) e das carnes industrializadas (0,53%). Já o preço de refrigerantes caiu 0,61% no mês passado. Também recuaram os preços do leite longa vida (-1,95%) e dos iogurtes (-2,04%). Com informações do Estadão Conteúdo.

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Custo de vida em São Paulo sobe 0,95% em janeiro, revela Dieese

Deixe o seu comentário

*